Coração batendo forte: URC Diagnósticos por Imagem completa 30 anos e reforça marca com novidades


Em 2020, a URC - Diagnósticos por Imagem completa 30 anos e reforça sua marca com a frase 'Coração batendo forte'. Mas quem visitou a primeira clínica de Raios X e ultrassom, localizada fora dos hospitais, em Criciúma, não imagina que antes de se tornar um referencial na região Sul do Estado (em Diagnósticos por Imagem) de Santa Catarina, ela trilhou um caminho de transformação.

A vizinhança ensinou o crescimento - Toda história tem um começo, e a história da URC iniciou em 1990, quando três médicos radiologistas criaram a Unidade Radiológica Criciúma – URC – disponibilizando à medicina regional, modernas máquinas de Ultrassom, Raios X Geral e contrastado.  Com isso, foi inaugurado um sistema de atendimento ultra-avançado para os parâmetros da época.

O primeiro mamógrafo da URC chegou dois anos depois, dando resposta positiva aos anseios da medicina, fomentando o diagnóstico precoce do câncer de mama. Na primeira década do ano 2000 a administração da URC participou da construção do Edifício São Lucas, ocupando todo o térreo com o setor de Ultrassom. Nascia a Unidade 2.

Somou-se ao parque de equipamentos o Ultrassom  3D, depois 4D e ainda nesta década o 4D HDLive, sempre protagonizando o pioneirismo em Santa Catarina. Veio a Videoteca e Biblioteca, sempre incentivando o lado cultural para todos os colaboradores. A administração e colaboradores da URC celebraram os seus 15 anos com a abertura do Setor de Tomografia. Na área do Raios X somou-se os Panorâmicos da coluna vertebral e membros inferiores.

Na década seguinte veio a Digitalização das imagens, Densitometria óssea e o novo Tomógrafo Multislice, com baixa dose de radiação, abrindo caminho para os exames do coração e vasculares, sempre agregando profissionais de ponta.

O nível ficou tāo alto que a contratação de físicos de Porto Alegre, foi fundamental para manter a segurança dos diagnósticos com checagem mensal das conformidades.Tudo isto proporcionou a instalação da Ressonância Magnética em 2012, num prédio especialmente construído para este fim, marcando novos tempos nos diagnósticos, inclusive com a Ressonância Cardíaca e Mamária: a Unidade 3 da URC.

Em 2017, a URC voltou a expandir com duas salas com o novo Raios X Digital, incluindo os panorâmicos da coluna vertebral e membros inferiores, tornando os exames ainda mais seguros e precisos. Recentemente, no final de 2019 o novo mamógrafo digital inovou mais ainda, com redução significativa do desconforto à compressão mamária e estação de trabalho dedicada. 

Novidades para 2020

Em 2020, para marcar os 30 anos de fundação, a administração informou que está preparando uma sala de biópsia mamária, agregando tecnologia disponível nos grandes Centros, visando conforto e precisão aos pacientes (mamotomia).

Também foi adquirido mais um moderno aparelho de ultrassom. "Para que tudo funcione muito bem, contamos com um time de primeira ordem". São 19 médicos e 73 colaboradores diretos. A Administração geral é de Cleonice Becker Carminatti, auxiliada por Ana Paula Cardoso, Tatiane Ricardo e Caroline Amante.

O Corpo Clínico atual conta com os especialistas Domingos Simon, Márcio Silva, Alessandra Aléssio Rovaris, Rafael Amante, Grégory Périco, Georgina Cardoso, Joana Mezari, Rodrigo Pfiffer, Fábio Caporal, Rafael da Luz, Ângela Bertaso,Guilherme Suchard, Carla Rodrigues, Luiz Fernando Ulyssea, Rodrigo Trindade, Ana Carolina da Silva, Guilherme Bigolin, Juliana da Silva e Felipe Martins.

Mensagem da administração:

Nestes 30 anos de presença cotidiana nos lares de tanta gente, nos consultórios, Centros de Saúde e Hospitais, a URC não tem medido esforços no sentido de sempre oferecer Diagnósticos Precisos e Qualificados. Nossos agradecimentos a todos que de uma forma ou de outra fizeram e fazem parte da nossa história.

URC

Colaboração: Archimedes Naspolini Filho

Fonte: http://www.engeplus.com.br/noticia/saude/2020/coracao-batendo-forte-urc-diagnosticos-por-imagem-completa-30-anos-e-reforca-marca-com-novidades#8








COMPARTILHE:





MAIS LIDAS